Radio Line link 1

Radio Line link 2

Na Geral

Loading...

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Compartilhando experiências

Vamos compartilhar conhecimento através de um bom bate papo para com você MicroEmpreendedor Individual - MEI

Temas:
- Comportamento
- Vendas
- Internet - Como usar essa ferramenta de modo seguro em favor de seu negócio


A entrada é de apenas um quilo de alimento não perecível que será doado a uma das instituições de nossa cidade.

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Hoje, a partir das 14 horas na Rádio Line ( www.radioline.br.vu ), teremos a presença da professora Andréa Pereira Pinto em um bate papo importante sobre as situações climáticas que assolam nossa região. Ela que é Geógrafa e Especialista em Meio Ambiente falará também as agressões em nossos rios, entre eles o Rio Claro.
Ouça e participe com perguntas via Facebook. 
www.radioline.br.vu
Link do APP para seu dispositivo móvel:
https://play.google.com/store/apps/details?id=tunein.player 
Baixe e ouça a Line onde estiver!

Ibope indica Dilma à frente de Aécio pela primeira vez no 2º turno

Dilma Rousseff está oito pontos na frente de Aécio Neves nas intenções de votos totais, segundo pesquisa IbopeMontagem/R7
Presidente abre oito pontos de vantagem e soma 49% da preferência. Tucano atinge 41%
Pela primeira vez em uma pesquisa eleitoral do segundo turno das Eleições 2014 e a três dias da votação, a candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) aparece à frente do senador Aécio Neves (PSDB) fora da margem de erro na corrida à Presidência.

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (23) mostra a presidente com 49% das intenções de votos totais e o tucano com 41%. Os votos brancos e nulos totalizam 7% e os eleitores indecisos somam 3%. 

Na última pesquisa Datafolha, divulgada há oito dias, Dilma aparecia com 43% da preferência do eleitorado, enquanto o tucano tinha 45%. Eles estavam tecnicamente empatados dentro da margem de erro, que era de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Considerando apenas os votos válidos, ou seja, sem brancos, nulos e eleitores indecisos, Dilma também está na frente de Aécio: 54% a 46% da preferência. Na pesquisa anterior, Aécio tinha 51% contra 49% da presidente, o que também configurava empate técnico.

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (23) também indicou que Dilma Rousseff está na frente de Aécio na corrida ao Planalto. A presidente tem 48% das intenções de voto, contra 42% do senador. Em votos válidos, o placar está 53% a 47%.

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Ex é suspeito de dilacerar nádegas de jovem a facadas em Goiás, diz polícia

Texto e foto:G1 GOIAS
O ex-marido da jovem de 20 anos, que teve as nádegas dilaceradas a facadas, em Anápolis, a 55 km de Goiânia, é o principal suspeito de agredi-la. De acordo com a Polícia Civil, o homem atacou a vítima por ciúmes. Um mandado de prisão contra o suspeito já foi pedido à Justiça.
O crime aconteceu no dia 19 de agosto, quando a jovem foi internada em estado grave no Hospital de Urgências de Anápolis (Huana). Em função das lesões, ela foi levada para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde permaneceu até o dia 11 de setembro. Agora, segundo o hospital, o estado de saúde é considerado estável e ela segue na enfermaria, onde recebe medicação e curativos.Apesar de a violência ter ocorrido há mais de dois meses, a polícia só teve conhecimento na semana passada, segundo informou ao G1 o delegado regional de Anápolis, Álvaro Cássio dos Santos. Segundo ele, a jovem “demonstra estar com medo” e afirma que foi vítima de um acidente de trânsito. “No entanto, pelos ferimentos, já temos indícios suficientes que comprovam a agressão”, destacou.

O caso é investigado pela Delegacia de Atendimento Especializado à Mulher (Deam) de Anápolis. “As medidas investigativas foram iniciadas, testemunhas estão sendo ouvidas e os exames periciais já foram requisitados”, explicou a delegada Emili Bailoni.
Cirurgias
O diretor técnico do Huana, Luis Cláudio Resende, explica que a paciente precisa ser submetida a uma sequência de cirurgias, com enxertos, para que as nádegas sejam reconstruídas por completo. “Ela está estável, sem nenhuma infecção, com um tecido de granulação, já pronto para receber esses enxertos”, explicou.O procedimento precisa ser realizado em um hospital especializado e a assistência social do Huana está em busca de uma vaga na rede pública de saúde. A jovem já foi avaliada por dois hospitais em Goiânia, mas nenhum assumiu o caso.
“Ela vai ser transferida para uma unidade especializada em cirurgia plástica. Então temos algumas unidades em Goiás e no Distrito Federal e esperamos que em até uma semana ela consiga essa vaga”, disse Resende.
Dor
A jovem não quis gravar entrevistas, mas seus familiares dizem que ela está sofrendo muito por causa dos ferimentos. “Ela sente muitas dores, principalmente na hora de fazer curativos. Ela chora muito”, relatou o tio da jovem, Aias Alves.
Enquanto reza pela vítima, a avó dela, a dona de casa Maria Pereira, conta que a mulher aparecia em casa constantemente com ferimentos. “Ela sempre chegava aqui com o rosto todo machucado, mas, por enquanto, ela não quer tocar no assunto, diz que não quer falar sobre isso”, relatou.

Juiz nega condenação de procuradores de Jataí por improbidade

O juiz Thiago Soares Casteliano Lucena de Castro (foto), da comarca de Jataí, julgou improcedente pedido do Ministério Público para condenação de dois procuradores municipais por improbidade administrativa. Eles teriam deixado de oferecer embargos contra ação de execução proposta pelo escritório Brom Advogados Associados, com o objetivo de receber crédito de R$ 840 mil.
O juiz acatou o argumento dos procuradores Andrea de Barros Godoy Garcia Franco e Jaques Barbosa da Silva Júnior, que apresentaram toda a documentação que comprova que a ação de execução foi julgada extinta e teve seu seguimento negado em sede de decisão monocrática.
Para Thiago Soares Casteliano, para configuração de improbidade administrativa faz-se necessária a demonstração da má-fé ou dolo do agente público ou daquele que, de qualquer forma, tenha se beneficiado do ato. Da análise dos autos, ele concluiu que as deficiências apontadas na ação civil pública não representam, por si só, esta prática.
“A conduta omissiva culposa caracterizada pela negligência, imperícia ou imprudência, embora possam ser consideradas irregulares, não podem ser alçadas ao nível de improbidade, apta a ensejar a aplicação das severas sanções a esta cominada, sendo imprescindível a presença do dano”, observou ele, para quem “a inércia dos procuradores poderia até caracterizar despreparo ou descompromisso com a função exercida, mas não improbidade”.
No entanto, o juiz ressaltou que é “temerária e grave” a conduta do procurador municipal que se omite na defesa do interesse público, que é indisponível. E que só optou pela improcedência em razão da ausência de dano, pois do contrário, seria caso de condenação.

Prefeito Humberto Machado mais uma vez fala de sua neutralidade nessas eleições

Foi durante a entrega oficial da duplicação da BR 060 onde o prefeito Humberto falou das obras que vem acontecendo em nosso município, do nosso desenvolvimento e também do futuro promissor de Jataí.
Indagado sobre a importância da duplicação da BR 060 pelo repórter Gideone Rosa ele disse estar extremamente feliz com a obra salientando a respeito da segurança, a  redução de custo de  transporte por ser uma estrada de primeiro e a agilidade de tráfego.
Na oportunidade o repórter Nascimento perguntou também sobre as obras que estão sendo executadas pelo governo municipal, o que o jataiense pode esperar para um futuro próximo e questionou também sobre um assunto um tanto quanto polêmico que é a sua posição quanto a sucessão ao governo de Goiás. Humberto Machado respondeu justificando sua neutralidade nessa disputa.
Acompanhe a fala do prefeito:


Check this out on Chirbit

Pesquisa Eleitoral para Presidente

Datafolha - Pesquisa Presidente 2º Turno

Na última pesquisa Datafolha encomendada pelo jornal "Folha de S.Paulo" sobre o segundo turno da eleição presidencial em 2014, divulgada dia 22 de outubro, Dilma aparece numericamente na primeira posição, mas empatada tecnicamente com Aécio Neves.

Pesquisa para Presidente da República (Votos Válidos)

CandidatoIntenções de Voto (%)
Dilma (PT)52%
Aécio Neves (PSDB)48%
Para chegar aos votos válidos, os votos em branco, os nulos e os eleitores indecisos, são retirados da amostra. Este é o procedimento adotado pela Justiça Eleitoral para alcançar o resultado oficial da eleição. O candidato precisa atingir a maioria dos votos válidos para ser eleito no segundo turno.

Pesquisa para Presidente da República (Votos Totais)

CandidatoIntenções de Voto (%)
Dilma (PT)47%
Aécio Neves (PSDB)43%
Branco/Nulo/Nenhum6%
Não Sabe4%
A pesquisa foi realizada no dia 21 de outubro de 2014 com 4.355 eleitores em 256 cidades brasileiras. A margem de erro é dois pontos percentuais para mais ou para menos com um nível de confiança de 95%. A pesquisa está registrada do TSE sob o protocolo nº BR-01160/2014 e foi divulgada no site folha.uol.com.br

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Horário de Verão e a indignação de muitos

É o que um leitor do Rio Grande do Sul deixa claro em mais um email enviado a nossa redação.

Nome*: Rosmari Tremarin

Email*: rosmaritremarin@yahoo.com.br

Assunto/Sugestão*: Horário de verão

Mensagem*: "Quem criou a lei da mudança do horário de verão não tem consciência da realidade do Rio Grande do Sul, altamente prejudicial a saúde expõe o agricultor ao trabalho em horário aonde o sol é mais intenso, atrapalhando a vida de muitos, na minha cidade se fizerem uma pesquisa cem por cento odeiam este horário, além de trazer prejuízos a saúde, no final do ano quando todo mundo esta bem cansado, tem que acordar uma hora antes e não adiante dizer que pode dormir mais cedo, nosso organismo cria hábitos não é uma máquina que regulamos do jeito que queremos, .Quando essa droga pode mudar odiamos este horário, o dia que um olítico prometer mudar este horário será eleito por unanimidade, pois a maioria das pessoas trabalhadoras detestam estou falando trabalhadoras, não ás que curtem coisas no final do dia.Falo isto em nome de um grande número de pessoas.Porque nos submeter a isto."

Atenção você que é ou quer ser MicroEmpreendedor Individual - MEI

Na próxima terça-feira, dia 28, às 19 horas, na ACIJ Associação Comercial e Industrial de Jataí, vamos interagir para com você em um bate papo super agradável levando os temas Comportamento, Vendas e como a Internet pode ser útil de forma segura em função do seu negócio.
Participe levando um quilo de alimento não perecível que será doado ao Núcleo de Saúde Mental de Jataí.

Vamos juntos compartilhar de boas experiências!!!

“O Cerrado está extinto e isso leva ao fim dos rios e dos reservatórios de água”

Uma das maiores autoridades sobre o tema, professor da PUC Goiás diz que destruição do bioma é irreversível e que isso compromete o abastecimento potável em todo o País

Por Elder Dias
Uma ilha ambiental em meio à metrópole está no Campus 2 da Pon­tifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás). É lá o local onde Altair Sales Barbosa idealizou e realizou uma obra que se tornou ponto turístico da capital: o Memorial do Cerrado, eleito em 2008 o local mais bonito de Goiânia e um dos projetos do Instituto do Trópico Subúmido (ITS), dirigido pelo professor.

Foi lá que Altair, um dos mais profundos conhecedores do bioma Cerrado, recebeu a equipe do Jornal Opção. Como professor e pesquisador, tem graduação em Antropologia pela Universidade Católica do Chile e doutorado em Arqueologia Pré-Histórica pelo Museu Nacional de História Natural, em Washington (EUA). Mais do que isso, tem vivência do conhecimento que conduz.

É justamente pela força da ciência que ele dá a notícia que não queria: na prática o Cerrado já está extinto como bioma. E, como reza o dito popular, notícia ruim não vem sozinha, antes de recuperar o fôlego para absorver o impacto de habitar um ecossistema que já não existe, outra afirmação produz perplexidade: a devastação do Cer­rado vai produzir também o desaparecimento dos reservatórios de água, localizados no Cerrado, o que já vem ocorrendo — a crise de a­bastecimento em São Paulo foi só o início do problema. Os sinais dos tempos indicam já o começo do período sombrio: “Enquanto se es­tá na fartura, você é capaz de re­partir um copo d’água com o ir­mão; mas, no dia da penúria, ninguém repartirá”, sentencia o professor.

“Memorial do Cerrado” – o nome deste espaço de preservação criado pelo sr. aqui no Campus 2 da PUC Goiás, é uma expressão pomposa. Mas, tendo em vista o que vivemos hoje, é algo quase que tristemente profético. O Cerrado está mesmo em vias de extinção?

Para entender isso é preciso primeiramente entender o que é o Cerrado. Dos ambientes recentes do planeta Terra, o Cerrado é o mais antigo. A história recente da Terra começou há 70 milhões de anos, quando a vida foi extinta em mais de 99%. A partir de então, o planeta começou a se refazer novamente. Os primeiros sinais de vida, principalmente de vegetação, que ressurgem na Terra se deram no que hoje constitui o Cerrado. Por­tanto, vivemos aqui no local onde houve as formas de ambiente mais antigas da história recente do planeta, principalmente se levarmos em consideração as formações vegetais. No mínimo, o Cerrado começou há 65 milhões de anos e se concretizou há 40 milhões de anos.

O Cerrado é um tipo de am­biente em que vários elementos vi­vem intimamente interligados uns aos outros. A vegetação depende do solo, que é oligotrófico [com nível muito baixo de nutrientes]; o solo depende de um tipo de clima especial, que é o tropical subúmido com duas estações, uma seca e outra chuvosa. Vários outros fatores, incluindo o fogo, influenciaram na formação do bioma – o fogo é um elemento extremamente importante porque é ele que quebra a dormência da maioria das plantas com sementes que existem no Cerrado.

Assim, é um ambiente que de­pen­de de vários elementos. Isso significa que já chegou em seu clímax evolutivo. Ou seja, uma vez degradado não vai mais se recuperar na plenitude de sua biodiversidade. Por isso é que falamos que o Cerrado é uma matriz ambiental que já se encontra em vias de extinção. 
Entrevista - Leia matéria completa/Jornal Opção