sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Deputado Lissauer Vieira consegue repavimentação da GO 184

Através de pedido do deputado a GO que liga Itumirim à Aporé está sendo reconstruída.

ASCOM 
O deputado estadual Lissauer Vieira, líder do PSB na Assembleia Legislativa, através de solicitação ao governo estadual de Goiás e à Agencia Goiana de Transportes e Obras (Agetop), conseguiu a recuperação da GO 184, que liga Itumirim à Aporé, localizada no Sudoeste Goiano.

A rodovia que já está sendo reconstruída faz parte do projeto Rodovida Manutenção, que consiste em um programa estadual com objetivo de manutenção preventiva e corretiva de toda malha rodoviária.

De acordo com o deputado Lissauer a cobrança desta obra tem sido feita à algum tempo. “Tenho cobrado muito a recapeação desta GO, e agora tivemos o resultado. A rodovia estava em condições horríveis e com os serviços a da região população irá trafegar com mais facilidade e melhorando o transporte da produção local”.

Além desta rodovia o deputado tem cobrado incessantemente a revitalização de várias outras GOs. “Não me canso de ir atrás de resultados, tenho cobrado também a repavimentação da GO que liga Caçu a Itajá, além da GO entre Serranópolis e Itumirim e claro a duplicação da GO 174, que liga Rio Verde a Montividiu. Não me descansarei enquanto não conseguir resultado para todas".

A GO 184 receberá operação tapa-buraco, remendos profundos, selagem de trincas, recomposição de elementos de drenagem superficial, e manutenção preventiva com selagem asfáltica. 

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Deputados de Goiás envergonham o povo goiano

Deputados comemoram após a Câmara  aprovar
o texto-base (Foto: Luis Macedo/Câmara dos
Deputados)
Veja o voto de cada deputado de GO em relação à PEC do teto de gastos
Dos 17 parlamentares goianos, apenas Rubens Otoni (PT) votou contra.
Texto-base foi aprovado por 366 votos a 111; deputados rejeitaram destaques.

Murillo Velasco
Do G1 GO

A maioria dos deputados federais de Goiás votou a favor da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que estabelece um teto para o aumento dos gastos públicos pelos próximos vinte anos. Dos 17 parlamentares goianos, apenas Rubens Otoni (PT) votou contra o projeto. Já Pedro Chaves (PMDB) não participou da sessão pois, segundo a assessoria, está em uma convenção no Canadá (confira lista abaixo).

A sessão que aprovou o texto-base da PEC foi realizada na noite de segunda-feira (10). A Câmara aprovou o texto principal da proposta por  366 votos a favor, 111 contra e duas abstenções. Para ter aprovação final, a PEC ainda precisa passar por um segundo turno de votação na Câmara e mais dois turnos no Senado.

Após a aprovação, os deputados tiveram de analisar oito destaques (sugestões de alteração no texto) para concluir o primeiro turno de apreciação da proposta. Todos os destaques apresentados foram rejeitados pela maioria dos deputados. A análise das sugestões de alteração ao texto original durou cerca de quatro horas.

Veja o voto de cada um dos deputados federais de Goiás:

Alexandre Baldy - PTN - Sim
Célio Silveira - PSDB - Sim
Daniel Vilela - PMDB - Sim
Delegado Waldir - PR - Sim
Fábio Sousa - PSDB - Sim
Flávia Morais - PDT - Sim
Giuseppe Vecci - PSDB - Sim
João Campos - PRB - Sim
Jovair Arantes - PTB - Sim
Lucas Vergilio - Solidariedade - Sim
Magda Mofatto - PR - Sim
Marcos Abrão - PPS - Sim
Pedro Chaves - PMDB - Ausente
Roberto Balestra - PP - Sim
Rubens Otoni - PT - Não
Sandes Júnior - PP - Sim
Thiago Peixoto - PSD - Sim

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Câmara retira 6 propostas do MPF e desfigura pacote anticorrupção

Foto arquivo
Parecer da comissão sofreu várias mudanças; texto segue para o Senado.
Das 10 medidas originais, apenas 4 foram mantidas, com modificações.

Fernanda Calgaro/Do G1, em Brasília

Depois de mais de sete horas de sessão, os deputados desfiguraram o pacote que reúne um conjunto de medidas de combate à corrupção propostas pelo Ministério Público Federal. O texto foi aprovado pela Câmara na madrugada desta terça-feira (30). Com a aprovação, o projeto segue agora para análise do Senado.

Ao longo da madrugada, os deputados desfiguraram o projeto e aprovaram diversas modificações ao texto que saiu da comissão especial. Diversas propostas foram rejeitadas e outros temas, polêmicos, foram incluídos. Das dez medidas originais, apenas quatro passaram, sendo que parcialmente.

O texto original do pacote anticorrupção tinha dez medidas e foi apresentado pelo Ministério Público Federal com o apoio de mais de 2 milhões de assinaturas de cidadãos.

Na comissão especial que analisou o tema, porém, uma parte delas foi desmembrada e outras, incorporadas no parecer do relator Onyx Lorenzoni (DEM-RS). As discussões foram acompanhadas pelo Ministério Público, que deu o seu aval ao texto construído.

Segundo o relator, do texto original, só permaneceram as medidas de transparência a serem adotadas por tribunais, a criminalização do caixa dois, o agravamento de penas para corrupção e a limitação do uso de recursos com o fim de atrasar processos.

Veja as propostas retiradas pelos deputados:

Comentário do Leitor em: Avenida Goiás com Anhanguera... Mais um pedaço da história que se vai

Blogger Carlucio Assis disse...
"Infelizmente o poder público só tomba esses imóveis e não faz mais nada para mante-los.Cada proprietário se quiser que se vire e cuide do imóvel tombado, minha irmã tem um casarão tombado em frente à praça da Maromba e só teve dor de cabeça mendigando ajuda do poder público, pois o imóvel estava quase caindo, teve que se virar e gastar mais de R$12.000,00 na reforma, usou toda sua renda da aposentadoria, e o poder público o que faz, bota normas, regras e vc não pode mudar nada no imóvel, até a madeira velha, podre vc tem que achar carpinteiro e fazer outra peça igualzinha, se não a prefeitura te multa, além do imóvel ser seu, vc pagar pra reformar tudo, vc não manda nele, e é um vai atrás disso, daquilo, papel, fiscalização e etc. Uma verdadeira lambança e desgaste ainda mais pra uma senhora idosa e doente. 
Por isso digo, pensem bem antes de permitir o tombamento de um bem seu. E sou totalmente de acordo, se a pessoa é dona do imóvel e tá velho, caindo tem que derrubar mesmo, já que o poder público que deveria cuidar não cuida, porque quer mandar, fazer respeitar normas de tombamento e não deixar demolir? Se meu cunhado que está morto estivesse vivo com certeza ele morreria com tudo que a minha irmã passou com essa história de tombamento. Lambança! Que fiquem as fotos! E viva a modernidade. Pronto falei!!"
26 de novembro de 2016 20:03

Jataí ganha mais uma agência lotérica

Foi inaugurada no último dia 10 de Novembro a mais nova Agência Lotérica de Jataí
A mais nova casa lotérica de Jataí, a Agência Lotérica Rio Claro, está bem no centro da cidade localizada na Avenida Rio Claro, n° 830. 
O que parece é que a população desconhece esse novo conforto em atendimento nos serviços que essa casa pode oferecer. Ambiente climatizado, cadeiras, senhas de atendimento e total privacidade para quem faz pagamento entre outros serviços. Enquanto isso as demais lotéricas em vários momentos do atendimento estão lotadas.

Segundo o diretor de Fiscalização e Relações Comunitárias da Câmara Municipal de Jataí, Rhony Barbosa Vasconcelos, a instalação da unidade teve a participação do poder legislativo jataiense, por meio do oficio n° 02/2016, de autoria do vereador João Rosa Leal e que foi subscrito por todos os demais parlamentares.

No documento, os vereadores solicitavam ao gerente geral da agência da Caixa Econômica Federal de Jataí, Suhail Rodrigues Barbosa, a realização em regime de urgência de uma licitação na modalidade concorrência, para instalação de uma nova agência lotérica na cidade, se possível no mesmo local ou nas proximidades da antiga unidade da Avenida Deputado Manoel da Costa Lima, porque a população estava acostumada a utilizar os serviços naquele local. 

A nova agência é composta por seis terminais de atendimento, toda climatizada e ainda com assentos destinados às pessoas que venham utilizar a agência, gerando mais conforto e segurança para os usuários. Segundo os proprietários, estão sendo gerados nove empregos diretos. O horário de atendimento, de segunda a sexta feira, é das 7 às 18 horas e, aos sábados, das 7 às 13 horas.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

A dança das cadeiras a todo vapor na mudança de governo municipal

A cadeira da vez agora é a SMT

Por Antonino Silva
Como é público, notório e democraticamente oficial Vinícius Luz é o prefeito eleito que assumirá o comando do Executivo jataiense em 1º de Janeiro de 2017 e com isso nada mais natural que mudanças ocorram principalmente nos primeiros e segundos escalões.

Já definidos já foram confirmados os secretários de educação e cultura os quais foram aplaudidos por boa parte dos jataienses, ou seja Gênio Eurípedes na Cultura e na Educação Eliana Melo Machado Moraes. Alguns outros ainda estão obscuros aos olhos dos Jataienses, mas por pouco tempo já que se aproxima o dia da posse o que é interessante que os principais cargos estejam já com nomes confirmados.

Outro nome já sabido, extra oficialmente, é de quem vai substituir Lucimar Cardoso na SMT, a Superintendência Municipal de Trânsito, Lucimar é tido como um grande conhecedor das Leis de Trânsito, porém parte dos jataienses o acham pouco simpático e em seu lugar, como o novo Superintendente de Trânsito, Alfredo Soares Gori, professor universitário na UEG e que foi gerente do Thermas Park Jatahy no governo municipal de Fernando Henrique Peres, o Fernando da Folha. 

Cinegrafista goiano morre em acidente aéreo na Colômbia

Ari Júnior trabalhava na TV Anhanguera, afiliada da Rede Globo em Goiás, e acompanhava o time da Chapecoense

Por Larissa Quixabeira
O cinegrafista Ari de Araújo Junior está na lista de passageiros do voo da equipe da Chapecoense que caiu em região próxima a Medellín, na Colômbia, na madrugada desta terça-feira (29/11). O goiano trabalhava na Rede Globo em Goiânia e acompanhava o time catarinense que disputaria a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional na próxima quarta-feira (30/11).

Estavam no avião um total de 81 pessoas, sendo 72 passageiros e nove tripulantes. Autoridades colombianas confirmam que apenas cinco pessoas sobrevivera: os jogadores Alan Ruschel, Danilo e  Jackson Follmann, além de uma aeromoça e um jornalista brasileiro. Os sobreviventes foram encaminhados a hospitais da região.

Informações oficiais dão conta de que o acidente ocorreu quando a aeronave se aproximava da cidade no noroeste da Colômbia. Quando estava entre as cidades de La Ceja e Unión, por volta das 22 horas, horário local, a aeronave contatou a torre de controle da Aeronáutica Civil relatando emergência devido a falhas elétricas. Fonte: Opção

Avião com equipe da Chapecoense cai na Colômbia e deixa mortos

Segundo autoridades colombianas, há 76 mortos e 5 sobreviventes.
Avião decolou de Santa Cruz de la Sierra (Bolívia) com 81 pessoas a bordo.

O avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, sofreu um acidente na madrugada desta terça-feira (29), informam autoridades colombianas. Segundo autoridades colombianas, há 76 mortos e cinco sobreviventes. O avião da LaMia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes.

Segundo informações do Bom Dia Brasil, o diretor de um hospital envolvido no socorro disse que apenas cinco pessos sobreviveram ao acidente. São eles: os jogadores Alan Ruschel, Danilo e Follmann, um jornalista e um comissário. Uma sexta pessa chegou a ser socorrida com vida, mas morreu no caminho para o hospital.

Os jogadores da equipe de Santa Catarina são os goleiros Danilo e Follmann; os laterais Gimenez, Dener, Alan Ruschel e Caramelo; os zagueiros: Marcelo, Filipe Machado, Thiego e Neto; os volantes: Josimar, Gil, Sérgio Manoel e Matheus Biteco; os meias Cleber Santana e Arthur Maia; e os atacantes: Kempes, Ananias, Lucas Gomes, Tiaguinho, Bruno Rangel e Canela.

Segundo a imprensa local, a aeronave com o time catarinense perdeu contato com a torre de controle às 22h15 (local, 1h15 de Brasília) e caiu ao se aproximar do Aeroporto José Maria Córdova, em Rionegro, perto de Medellín.

O Comitê de Operação de Emergência (COE) e a gerência do aeroporto informaram que a aeronave se declarou em emergência por falha técnica às 22h (local) entre as cidades de Ceja e La Unión. 

Anteriormente, a imprensa colombiana informou possível falta de combustível como causa do acidente. Mas a mídia local informou que o piloto despejou combustível após perceber que o avião iria cair.

Segundo a rede de TV Caracol, da Colômbia, a aeronave sumiu do radar entre La Ceja e Abejorral. Leia mais/G1

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Jataí perde mais uma parte de sua história

E mais um patrimônio é demolido

Por Gideone Rosa
Sabemos que o governo municipal pouco pode fazer nesse sentido já que oneraria os cofres  públicos principalmente nesse momento em que a economia dos municípios anda tão fragilizada, entendemos isso. No entanto não é de  hoje que nosso patrimônio histórico vem sendo transformado em montes e montes de entulho por pertencerem a iniciativa privada.

Porém fica uma pergunta, pois se o poder público pouco pode fazer, quem poderá fazê-lo? Essa é uma pergunta que boa parte da população se faz.

Nós do JN tentamos alguma coisa nesse sentido fazendo uma pesquisa no site do IPHAN sobre os patrimônios tombados pelo Instituto em Jataí, infelizmente  na página não encontramos nenhum lugar alguma coisa que descrevesse ou que dá alguma referência de quais os patrimônios registrados. Porém enviamos uma mensagem denunciando e pedindo uma atenção especial do IPHAN nesse sentido em nosso município para que possamos ter uma luz sobre tal situação.

sábado, 26 de novembro de 2016

Avenida Goiás com Anhanguera... Mais um pedaço da história que se vai


O trágico evento já estava anunciado, era só uma questão de tempo

Por Gideone Rosa
Independente de qual o prefeito, é muito difícil em um momento como esse em que todo o país passa por problemas financeiros graves principalmente as prefeituras, o governo Municipal se comprometer ainda mais as suas finanças . Acredito que a iniciativa privada, empresas, deveriam começar a participar mais se interessando pelos valores históricos de nossa cidade.

No entanto, o grande problema e  é que nos acostumamos a ter governos paternalistas nos quais sempre esperamos a solução dos problemas sem nada fazermos. Nós cidadãos temos que ter nossa parcela de responsabilidade na conservação do patrimônio público, seja ele histórico ou não, por menor que seja. Temos que pensar também que o poder publico chegou a um ponto de exaustão financeira. Não basta apenas tombar, tem todo um aparato a partir daí como contratação de pessoas, equipamentos, energia, telefone (internet) e água a serem pagos. 
Fotos: Ley Silva (Facebook)

Será que nesse momento de vacas magras onde os municípios estão gritando por socorro financeiro teriam como arcar com mais uma responsabilidades dessas, mais especificamente Jataí? Ou será que cada Jataiense faria uma doação mensal para preservação desse nosso patrimônio? Infelizmente essa é uma realidade que não se pode fugir ou fazermos de conta que não estamos vendo. Não estou aqui condenando nossa história, até porque sou amante deste patrimônio, só estou sendo lógico, prático e racional. 

Há um histórico tunel que, segundo um antigo morador, Celso Grecov,  foi construído para servir de abrigo.
 "O túnel , existente embaixo desta casa  - de 1928 - é bem construído , com diversas divisões. Tinha, ou tem paredes com tijolos grandes aparentes. Pois foi feito objetivando ser um abrigo. A  Revolução Tenentista dos anos Vinte, mobilizou várias regiões do Brasil.  A figura de Luis Carlos Prestes o " Cavaleiro da Esperança " , a frente de sua coluna passou por  Jataí  e região..  Na época  a Coluna Prestes , era também chamada de  " os revoltosos ". Causou forte apreensão entre os poderosos fazendeiros da época, pois tinha o apoio de grande parte da população , em especial dos mais humildes. Fico triste, pois foi minha residência por  14 anos. Como trabalhava com confecção de joias lá, lembro-me de incontáveis vezes de perdas de pequenos fragmentos de ouro e pedras preciosas que caiam pelas frestas do velho assoalho de madeira de lei... sendo praticamente impossível resgata-los..." - Celso Grecov 

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Prefeito eleito de Jataí, Vinícius Luz, anuncia mais um secretário

O novo nome a dirigir a pasta da cultura é Gênio Eurípedes

Por Gideone Rosa

"Gênio já foi secretário de educação no governo do prefeito Humberto Machado (PMDB) e é considerado um dos melhores vereadores que Jataí já teve pela maioria dos cidadãos que acharam a escolha acertada. É ponderado, tem zelo pela coisa pública, tem carisma e experiência. É merecedor de uma oportunidade como essa pois a nosso ver foi menosprezado e injustiçado pela cúpula do PMDB, partido ao qual foi filiado durante, praticamente, toda sua vida pública.

 Parabéns pela excelente escolha prefeito Vinícius."                                                                                                

Vinícius Luz disse:
"Durante a nossa campanha fizemos vários compromissos com o setor cultural da nossa cidade e propusemos resgatar nossos valores. Entendo que sob a liderança do Professor Gênio Eurípedes, homem verdadeiramente apaixonado por Jataí, pela nossa história e nossa gente, a Cultura jataiense estará em excelentes mãos, por isso o convidei para assumir a pasta e os desafios de cumprir comigo os compromissos assumidos!"

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Beto Lemos em: Rasgando o Verbo



Blogger BETO LEMOS disse...
"Embora dentro do contexto do fechamento do BB de Jataí, que acompanha uma linha nacional e não fugirá à regra, aqui no "nosso quintal" está estampado e visível o grande número de pequenos empreendimentos que estão sendo fechado, muito com reflexo da crise financeira que maltrata o país inteiro. Embora Jataí,literalmente, esteja em um "universo paralelo" de uma forma geral, talvez pelos resultados da agropecuária até mesmo positivos, embora tenham havido grandes prejuízos pontuais, muitos pequenos comerciantes vem sofrendo a perda de clientes pela modificação do status de nosso povo. Os restaurantes que antes viviam até mesmo lotados, com gente esperando nas portas para sentar, agora vivem, muitos, às moscas, com um ou dois clientes em cada mesa, e com mais de 70% de desocupação. No shopping, pelo menos, ainda se vê pessoas circulando, mas se observarmos bem, as lojas estão vazias.  Entendo que o novo governo terá um desafio à mais: Encontrar meios políticos e econômicos para trazer empresas geradoras de emprego e renda para Jataí, sob pena de termos, novamente, mais 4 ou 8 anos sem qualquer grande empresa chegar à nossa cidade. E que a BRF volte, se não que seja outra empresa do ramo a ocupar aquelas instalações. Acreditemos em um futuro melhor."
24 de novembro de 2016 09:24
Matérias que possam interessar:

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.